29 maio 2010

Um tempo para a saúde. Eu volto.

As últimas semanas foram demasiadamente puxadas com respeito a trabalho. Concluí um projeto grande de tradução, uns dezoito manuais de operação de uma empresa de Offshore. O trabalho ficou ótimo e foi um prazer concluí-lo na sexta passada. Sábado acordei com a sensação de dever cumprido e decidi tirar o dia para colocar algumas coisas pessoais em dia. Entre elas estava o orçamento para um novo par de óculos e também o conserto dos meus óculos atuais. Antes de ir à ótica, passei no sapateiro para pegar um tênis que deixei colando a sola e deixar um cinto que precisava também colar. Bem, se depender de mim, sapateiros ainda terão sempre serviços. Terminado o orçamento e a escolha de uma nova armação e lentes, eu caminhava pelo calçadão do centro, ali na altura da Boca Maldita, quando avistei uma barraca montada pelo Hospital das Clínicas com vários estudantes de medicina da Universidade Federal. Eles estavam organizando uma campanha convidando pessoas a se tornarem doadoras de medula óssea. Bem, eu estava feliz, meu sábado era relax total, e pensei: “Por que não?” Como eu sou uma pessoa superior, e isso vocês já sabem por que não pego saquinho plástico em supermercado, e também separo o lixo, não custava nada ser um pouco mais superior e me cadastrar como doador de medula óssea, certo? Não é que eu iria entrar naquela barraca e alguém fosse serrar minha coluna vertebral, me dobrar ao meio, pegar um funil e colher litros de medula óssea, não é mesmo? Então, o que custa preencher um formulário e voltar pra casa com o senso de cidadão superior fodástico. “Custa uma agulha na sua veia, seu burro!!!” Foi o que disse o capetinha ao pé do meu ouvido quando eu olhei lá pro fundo da barraca.


Então, eu não sabia que além do formulário, também tinha a porra da  seringa. Veja, bem, não é que eu tenha medo de agulha, ou de coleta de sangue. É que meu caso é especial! (abrindo um parêntese: eu sou especial, mas isso eu conto outro dia). Meu caso é especial porque eu sou um ciborgue reconstituído e ao invés de veias eu possuo circuitos de fibra ótica mais finos que um fio de cabelo. Bem, não é verdade! Mas, é verdade que quando eu vou coletar sangue, minhas veias, que são seres independentes, decidem ficar em casa e não vão junto. Então, depois que me deixam parecendo uma peneira de tapioca, é que desconfiam que eu possa ser um ciborgue reconstit... ok ok... mas, pense comigo: Eu sou PERSONA NON GRATA no Hemocentro de Curitiba. Eu fui anos atrás doar sangue, como um bom Cristão [amém Jesus, oh Glória] e o chefe do hemocentro me disse para não aparecer mais por lá depois que todos os mais fodões enfermeiros não encontraram uma simples veia em meu corpo. Eu tentei explicar que eu era um ciborgue... isso.. reconstit... Mas, deixando de lado essa minha reprovação no Hemocentro, eu sou brasileiro, eu sou Joseph Klymber, não desisto nunca e lá estava eu na filinha dentro da barraca, mascando meu Bubbaloo de brinde pronto para ser furado. Eu olhei para a japonesinha, ela olhou pra mim, eu personifiquei Rob Thomas, e cantei: Give me your heart, make it real or else forget about it ...” não, na verdade eu sorri e disse: “Olha, eu ia fazer uma tatuagem com uma setinha e uma torneirinha indicando onde fica a veia, mas não tive tempo, então, boa sorte, make my day.”Três furos e 5 ml de sangue. Fiquei feliz, deu certo, sem bafon, sem ambulância do Siate, sem desmaios, sem blackout [viu, pessoa não superior?], apenas uns 3 furinhos e um cadastro para doar medula. Tomara que eu possa ser compatível com alguém e eles me chamem.


Bem, agora falando bem sério, na terça quarta feira dia 01 dia 02 eu me submeto a uma cirurgia marcada para as 7 da manhã. Minha saúde não está ruim, mas ela precisa melhorar, e, portanto, vou ter que passar por isso. Os blogs [papelão e o Lúdico] ficarão alguns dias sem novidades, mas meu coração fica aqui em cada letra e palavra. Peço as orações, palavras de um futuro bom, e os melhores pensamentos de todos. Até mais queridos amigos. Estou muito feliz. Dou notícias. Com amor. Ivan.

Cirurgia remarcada e confirmada para Quarta-Feira dia 02/06


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários são bem legais!!!